banner

13 de out de 2011

CORITIBA 3 X 1 América MG - Série A


A primeira vitória com a camisa comemorativa veio em alto estilo, de virada. Depois de 3 jogos sem vitórias, a última foi contra o Grêmio e 2 jogos sem marcar, o TIME DO ALTO DA GLÓRIA voltou a vencer, apesar do susto do começo, o CORITIBA em casa e com um time parecido do começo do ano, com a volta do meia DAVI, a vitória de virada veio ao natural contra o desesperado América de Minas.
O JOGO: O CORITIBA começou bem a partida e antes dos 10 min BILL já havia desperdiçado duas chances, aumentando assim o jejum de gols pela equipe alviverde. Já o time de Minas não conseguia impôr seu ritmo de jogo e a meta de Vanderlei era pouco ameaçada.
Mas aos 17min saiu o primeiro gol da partida, Kempes em arrancada desde o meio campo, avançou até a grande área e chutou rasteiro, abrindo o marcador.1X0
O gol despertou os donos da casa e dois minutos depois aos 19min o gol de empate saiu. RAFINHA, sempre ele, recebeu na esquerda driblou seus marcadores e avançou para dentro da grande área, fintou mais um e mandou para as redes, o goleiro chegou a tocar na bola mas ela foi parar no fundo do gol. Era o empate. 1x1.
 A superioridade do COXA era notória e a virada veio cinco minutos depois, aos 24min, DAVI voltando depois de longo tempo, começou a jogada, DAVI arrancou pela lateral direita e avançou, tabelou com MARCOS AURÉLIO, que devolveu a bola para DAVI, que no meio de dois marcadores americanos, achou uma brecha e fuzilou. Era a virada. 2X1.
O primeiro tempo terminou com a virada no placar e a vantagem para o CORITIBA, vantagem essa  merecida, pois foi o Cori quem mais atacou.
Segundo tempo: Com a vantagem no placar o Coxa apenas administrava, mas era com RAFINHA que foi caçado dentro de campo o tempo inteiro, que o CORITIBA tinha as melhores chances. Mas quem assustou foi o América que aos 17min envolveu os marcadores do CORITIBA e numa bela troca de passes quase empata, não fosse VANDERLEI, que fez importante defesa, Gilson teria feito o segundo e empatado a partida.
Aos 27min o CORITIBA perdeu boa chance em cobrança de falta com LÉO GAGO. Depois foi a vez de EVERTON COSTA perder mais uma chance.
Aos 37min RAFINHA arranca livre pela direita mas foi derrubado maldosamente por Gilson que foi expulso pois já tinha o cartão amarelo.
E aos 40min veio o golpe de misericórdia, LÉO GAGO cobra falta da direita e JÉCI desvia de cabeça para o fundo das redes e dá números finais ao marcador. 3X1.
Vitória justa de quem foi superior e lembrou os bons momentos do primeiro trimestre onde o time encantou o Brasil.
PONTO POSITIVO: RAFINHA que arrebentou no jogo e foi considerado o melhor em campo. DAVI, depois de tanto tempo de inatividade por lesão, voltou e marcou o gol da virada.
PONTO NEGATIVO: BILL, sempre ele, que não marca faz tempo e vem atuando mal em todas as partidas.
Com o resultado o CORITIBA permanece na 11ª posição com 45 pontos e com 50 gols assinalados volta a ter o segundo melhor ataque da competição, atrás de Flamengo e Inter ambos com 52.
O próximo compromisso do VERDÃO, será em São Paulo no dia 06/11, domingo às 19:00 frente a equipe do PALMEIRAS, que está em 13º com 41 pontos.
[a tua camisa alviverde para sempre hei de amar]



SPFC 0 X 0 CORITIBA - Série A 

E a sina do CORITIBA continua, não vencer fora de casa. O empate sem gols com a equipe do SPFC, em outras circunstâncias preocuparia, mas como o time do ALTO DA GLÓRIA está na famosa "ZONA DO AGRIÃO", o resultado poderia ser considerado até normal, não fosse o segundo jogo seguido sem marcar gol e o terceiro seguido sem vitórias. O último jogo vencido pelo COXA, foi no quase longínquo dia 10 de Outubro contra a equipe do Grêmio. Depois disso foram 3 insucessos, seguidos pela derrota contra o Fluminense e empates sem gols contra o Bahia e ontem contra o SPFC. O time que já teve o melhor ataque da competição, está atrás agora de Inter, Flamengo, Vasco e Botafogo.
O JOGO: O alviverde seguiu o roteiro longe de casa e trouxe um ponto de São Paulo. No primeiro tempo o CORITIBA até conseguiu ditar seu ritmo de jogo, mas não criou chances claras de gol, finalizando apenas fora da área. O São Paulo por sua vez, finalizava dentro da área, levando perigo a meta de Vanderlei que foi o destaque da partida pelo lado verde e branco.
No segundo tempo, o
CORITIBA voltou apagado e pouco chegava a meta de Rogério Ceni, Bill o pior em campo, não chutou e nem cabeceou ao gol uma vez se quer. Já o Tricolor paulista subia com perigo ao ataque e foi superior o tempo todo e buscava insistentemente seu gol, mas esbarrava nas boas atuações do goleiro Vanderlei. O goleiro impediu que o CORITIBA saísse derrotado do Morumbi em pelo menos cinco oportunidades da equipe paulista.
Ponto Negativo: Bill e Everton inoperantes no ataque. 
Ponto Positivo: O goleiro Vanderlei quando foi acionado, fechou o gol e garantiu o empate.
O próximo compromisso será contra o América-MG no domingo dia 30/10 às 18:00 no COUTO PEREIRA diante de sua torcida. 
[a tua camisa alviverde para sempre hei de amar]


CORITIBA 0 X 0 BAHIA

Na tarde em que o CORITIBA lançou sua 3ª camisa[vide link sobre a história das camisas], alusiva a impressionante marca de 24 vitórias consecutivas reconhecida pelo "GUINNESS BOOK"  o que impressionou desta vez não foi o belo futebol apresentado na conquista do recorde, mas sim, o baixo nível técnico de ambos os times e o resultado ficou aquém do esperado. Salvo engano, mas essa foi a primeira vez no ano que após o termino jogo a Torcida vaiou o time. A torcida mais uma vez compareceu em bom número para apoiar o time, mas viu o sonho da Libertadores ficar cada vez mais distante com o jogo terminando empatado sem gols.
O JOGO : O time do Bahia muito bem postado na defesa e comandado pelo bom técnico Joel Santana veio para a Curitiba basicamente para se defender, tendo apenas 03 chances claras pra fazer o gol e em uma delas, depois de "bater roupa" o Goleiro VANDERLEI estava batido no lance e o gol baiano só não saiu por causa de GIL, que salvou em cima da linha. Em outro lance o goleiro VANDERLEI depois de contra-ataque pela esquerda em chute de Dodô salvou o CORITIBA.
O CORITIBA por sua vez, por mais que tentasse não conseguia furar a retranca baiana. Sem criatividade estava desatento em campo e não acertava as finalizações e nem os passes.
RAFINHA um dos melhores em campo ao lado de WILLIAN, esse pode considerar-se um reserva de luxo, pois foi um guerreiro em campo. Com RAFINHA o COXA teve as melhores chances, mas infelizmente não foram convertidas em gol.

Segundo Tempo: Uma leve melhora, mas nada que garantisse a vitória COXA na estréia da camisa nova. O jogo do VERDÃO se resumiu a bolas alçadas na grande área e aliviadas pela defesa do Bahia. Mesmo com a pressão COXA-BRANCA nos últimos dez minutos de jogo, nada de gols e o placar do primeiro turno se repete: 0 a 0.
Com o resultado o ALVIVERDE cai na tábua de classificação para o 11º lugar e já não possui o melhor ataque da competição.
O próximo compromisso do VERDÃO será contra a equipe do São Paulo no Morumbi, dia 23/10 às 16:00.
[a tua camisa alviverde para sempre hei de amar] 

Fluminense 3 X 1 CORITIBA

(EM PRETO E BRANCO MESMO)
Infelizmente mais uma derrota na conta do time de pijama que tem feito uma campanha pífia longe da sua torcida. Com esse resultado o time se iguala a si mesmo. Pois é, com a derrota de hoje frente a equipe do Fluminense o time do Alto da Glória igualou-se com o número de vitórias, sendo 11 sucessos e também 11 fracassos. 
O jogo: O time do CORITIBA começou melhor indo pra cima da equipe carioca, com RAFINHA voltando de contusão e num contra-ataque rápido quase abre o marcador, mas o goleiro Cavalieri fez grande defesa.
O Coxa jogava melhor nos primeiros 10 minutos, mas não soube aproveitar as chances(como sempre) e viu aos poucos o time carioca crescer no jogo. Com o jogo equilibrado o Flu foi pra cima de vez e aos 24min num lindo lance Fred(o dono do jogo) recebeu na área, matou a bola no peito e fez um golaço de bicicleta. GOLAÇO. 1x0. 
O gol abalou o CORITIBA que se perdeu em campo e via os cariocas dominarem o jogo. Só dava Fluminense que quase ampliou com Marquinhos numa bomba, mas VANDERLEI fez linda defesa.
O Fluminense seguia melhor, mas em um contra-ataque rápido o atacante BILL(o pior em campo) sofreu falta. MARCOS AURÉLIO se apresentou pra cobrança de falta e cobrou igualando o marcador no Engenhão aos 46min 1x1.
SEGUNDO TEMPO: Na volta para a segunda etapa, logo no primeiro minuto, JONAS segura Fred pelo braço e o árbitro de SC marca penalti. Fred mesmo cobra e VANDERLEI pula no canto certo, para fazer bonita defesa, em um momento importante da partida. Com a oportunidade perdida o Fluminense se apagou e animou o Coxa. Na base da velocidade, o time alviverde voltou a jogar melhor e passar a incomodar a defesa tricolor, ao passo que o Flu errava muitos passes enervando a sua torcida.  
Aos 7min BILL bate com perigo e assusta o time adversário. Dois minutos depois, aos 9' RAFINHA é desarmado no momento do cruzamento. O jogo ganhou em emoção e ficou aberto, com as duas equipes jogando pra frente. Mas a noite era de Fred mesmo que foi o destaque partida. 
Aos 27min o lateral Mariano recebeu lançamento na ponta direita e cruzou para Fred, que dominou e bateu para fazer o seu segundo gol. 2 x 1.
O gol desmontou o COXA, que se perdeu em campo e se entregou de vez. 
Apenas 3 minutos depois veio o golpe de misericórdia, e em nova jogada pela direita, desta vez com Sobis que cruzou na medida para Fred de cabeça assinalar o terceiro dos cariocas e dar número finais a partida. 
Com esse resultado o CORITIBA que iniciou a rodada anterior em 7º cai para a 10ª posição.
O próximo confronto será contra o Bahia no domingo dia 16/10 no COUTO PEREIRA às 18:00
[a tua camisa alviverde para sempre hei de amar]

Nenhum comentário:

Postar um comentário