banner

12 de dez de 2011

2011 - Ano do resgate do "Orgulho de ser Coxa-Branca"

Vindo de uma Série B como campeão, o ano de 2011 era esperado com muita expectativa por grande maioria da Torcida Coxa-Branca porém nem o torcedor mais otimista imaginaria que o time do CORITIBA pudesse chegar tão longe. 

PRÉ-TEMPORADA
O início do ano foi marcado pela pré-temporada em Foz do Iguaçu. Lá mesmo, uma vitória por 10×0 em um jogo treino contra o ABC já era prova do que estava por vir. 

ABRIL/2011
CAMPEONATO PARANAENSE


CORITIBA 3 X 0 Atlético Paranaense

Naquela tarde de domingo, do dia 24 de abril em plena Arena da Baixada o CORITIBA levantou pela 35ª vez a taça de CAMPEÃO PARANAENSE e que se confirmaria na última rodada de forma de invicta. 
A partida que garantiu o Bi-Campeonato ao CORITIBA foi especial, pois foi em cima do maior rival, com uma rodada de antecedência após uma goleada por 3 a 0. Bill e Leonardo foram os autores do gols. Foram 26 jogos, 24 vitórias e apenas dois empates.
Além de conquistar o título na casa do maior rival, de quebra o Alviverde IGUALOU a marca histórica de 21 vitórias consecutivas, a maior sequência da história do futebol nacional, marca essa que foi obtida pelo Palmeiras de 96 e demorou mais de 15 anos para ser igualada pelo Coritiba de 2011.
SONHAR COM ALGO MAIS ALTO COMEÇAVA A VIRAR UMA REALIDADE !

QUEBRA DE VITÓRIAS DO PALMEIRAS DE 1996

Não demorou muito e no compromisso seguinte na quente noite do dia 28 de Abril agora pela Copa do Brasil, o time do ALTO DA GLÓRIA foi até o Rio Grande do Sul pelas 8ªs de final daquela competição e batia o Caxias pelo placar de 1 a 0 e quebrava a marca nacional de vitórias seguidas que era do PALMEIRAS.
Com 22 triunfos consecutivos, o Coxa desempatava a disputa com o Palmeiras de 1996 e se tornava o recordista nacional de vitórias. 

MAIO/2011
COPA DO BRASIL

Como esquecer aquela partida histórica ? Impossível. O time do CORITIBA que teve sua campanha e recordes desmerecidos pela maioria da imprensa paulista e pelos próprios jogadores do Palmeiras, antes do jogo no Couto Pereira tiveram uma resposta a altura, dentro de campo, na melhor apresentação da equipe do ano, batendo a equipe do Palmeiras por 6 a 0. Foi uma noite histórica e mágica. 

Relembre os melhores momentos dessa noite épica na voz marcante de Jacir de Oliveira


Para se ter uma ideia do tamanho do desastre, o Palmeiras não sofria quatro ou mais gols no mesmo jogo desde a reestreia de Felipão, em 18 de julho de 2010, contra o Avaí. Na ocasião, o time catarinense fez 4 a 2 na Ressacada. Neste ano, o time só havia sofrido mais de um gol numa única oportunidade, na derrota por 2 a 1 para a Ponte Preta - e com time reserva. Foi a maior derrota do treinador à frente do clube. A última vez em que o Palmeiras sofreu seis gols havia sido em 2006, em uma derrota por 6 a 1 para o Figueirense, pelo Brasileiro.
Naquela noite de 05 de maio o CORITIBA entrava pra história com 24 vitórias consecutivas, recorde esse que mais tarde seria reconhecido pelo "Guinness Book"

CORITIBA - TIME COM MELHOR APROVEITAMENTO DO MUNDO
Com a goleada sobre o Palmeiras por 6 a 0, pelas quartas de final da Copa do Brasil, o CORITIBA se confirmou como o time com melhor aproveitamento do futebol mundial em 2011, superando inlcusive Barcelona e Manchester United – finalistas da Liga dos Campeões –  e Porto, campeão português e finalista da Liga Europa.


JUNHO/2011
UM VICE MELHOR QUE O CAMPEÃO


Primeiro time Paranaense a chegar a uma final da COPA DO BRASIL, o CORITIBA enfrentou a equipe do Vasco e deixou escapar um título que praticamente estava em suas mãos e merecidamente pelo retrospecto e campanha deveriam ter ficado no ALTO DA GLÓRIA. Porém pelos imponderáveis do futebol o título não veio.
Mesmo vencendo a Segunda Partida pelo placar de 3 a 2 o resultado não foi suficiente pra levantar o segundo caneco nacional pois havia perdido a primeira partida no Rio de Janeiro por 1 x 0.

SETEMBRO/2011
ZAGUEIRO ARTILHEIRO CONVOCADO PRA SELEÇÃO

Em setembro o zagueiro Emerson do CORITIBA teve seu trabalho reconhecido e foi convocado por Mano Menezes para a Seleção Brasileira


OUTUBRO/2011
RECORDE RECONHECIDO PELO GUINNESS BOOK

No dia que completava 102 anos o ainda vice-presidente do CORITIBA anunciava a certa quantia de torcedores que compareceram para o Lançamento da Pedra Fundamental do Novo CT do CORITIBA no Município de Campina Grande do Sul, que O LIVRO DOS RECORDES tinha reconhecido a marca histórica de 24 vitórias consecutivas, como sendo uma marca mundial.


BRASILEIRÃO
CORITIBA - Melhor mandante do Brasileiro 2011
Com uma campanha praticamente impecável no Couto Pereira, o CORITIBA teve nas apresentações fora de casa seu principal ponto fraco no Campeonato Brasileiro de 2011. Porém no Couto das 19 partidas que disputou diante de sua torcida, o CORITIBA perdeu apenas duas vezes e empatou outras quatro.

E na última rodada o Verdão entrou estando em 5º lugar, mas encerrou o Campeonato Brasileiro na 8ª colocação e confirmando a campanha no nacional deste ano como a 7ª melhor colocação do Coxa na história dos Brasileiros.



Os números da temporada 

Em 72 jogos, foram 45 vitórias em toda a temporada, recorde que havia sido conquistado em 1973. Ainda, o CORITIBA 2011 termninou com o melhor ataque de toda a sua história. O torcedor coxa-branca comemorou ao todo 143 gols, com uma média de quase 2 gols por partida, deixando para trás o ataque de 1972, que balançou as redes por 123 vezes.

No Couto Pereira, esses números foram ainda mais impressionantes. Diante dos 581.260 coxas-brancas que vieram ao Couto Pereira nos 36 jogos de 2011, foram 30 vitórias e 93 gols marcados. Um aproveitamento de 87%, o melhor desde 1956 e 1947, quando o clube teve 90,5% de aproveitamento, mas em apenas 7 jogos na temporada. Jogando em seus domínios, a média surpreendente de 2,58 gols por partida.

CORITIBA E A MÉDIA DE  PÚBLICO

1 – Corinthians – 28.494
2 – Bahia – 22.741
3 – São Paulo – 21.484
4 – Flamengo – 20.269
5 – Internacional – 18.187
6 – Coritiba – 17.894
7 – Vasco – 16.703
8 – Botafogo – 15.979
9 – Grêmio – 15.809
10 – Fluminense – 14.754
11 – Atlético-PR – 14.115
12 – Atlético-MG – 14.100
13 – Ceará – 13.138
14 – Palmeiras – 12.944
15 – Figueirense – 11.467
16 – Cruzeiro – 9.651
17 – Atlético-GO – 9.497
18 – Santos – 8.316
1 – Avaí – 6.784
20 – América-MG – 4.756




DERRADEIRA ALEGRIA DE 2011

Nosso maior rival depois de ficar 16 anos na Elite do Futebol Brasileiro tendo conquistado APENAS UM TÍTULO NACIONAL pensou ter cadeira cativa quando afirmava que ERA INCAÍVEL, no entanto foi rebaixado pela 3ª vez na história e vai disputar sua SÉTIMA SÉRIE B.


Nenhum comentário:

Postar um comentário