banner

16 de jan de 2013

NOVO COUTO OU REFORMAS ?



No início de Janeiro de 2012 o Blog da Torcida que nunca abandona, moderado pelo Luiz Carlos Betenheuser Jr., abordou o seguinte tema:

"Quais melhorias você quer no Couto Pereira?" pedindo a opinião da torcida coxa-branca.

Segue o link com a matéria;

http://globoesporte.globo.com/platb/pr-torcedor-coritiba/2012/01/01/opine-quais-melhorias-voce-quer-no-couto-pereira/

Um ano depois e com o projeto para a conclusão do terceiro anel anunciado em outubro e o investidor praticamente definido, o Blog Tua Camisa Alviverde, volta ao tema.

Ao ler os comentários no blog do Luiz, me chamou a atenção o comentário do coxa-branca, "JANGO" (comentário nº 6) que na ocasião disse que gostaria que fosse eliminado o primeiro anel(piso) e puxasse/esticasse o segundo até a beira do gramado( tipo tobogã) fazendo a torcida ficar mais perto do gol.

Particularmente sempre guardei comigo essa idéia, mas nunca a expus, mas acharia interessante que tal projeto desse tobogã fosse viabilizado.

No entanto o ideal mesmo seria a construção de um ESTÁDIO NOVO, porém no mesmo lugar e com o mesmo formato.

Anexo ao estádio existem terrenos que poderiam ser aproveitados e negociados com os vizinhos e moradores daquela região para que fossem comprados, e negociar com eles um preço justo, assim como a sua saída, sem imposição e não expulsá-los como fez o time da prefeitura.

Com relação ao novo Couto, aquela desculpa com relação ao lance de vias de acesso e estacionamentos e que o trânsito na região ficaria complicado, assim como o argumento que a região não comportaria tal empreendimento, entendo que isso é uma desculpa pra demonstrar má vontade para com o projeto.

Explico: O problema do trânsito não é problema exclusivo da região do Alto da Glória, mas de toda Curitiba e isso em qualquer horário.

Segundo, a questão do local não comportar é outra viés de escapatória por parte do Poder Público, já que forneceram DINHEIRO PÚBLICO( e burlaram a Lei de Zoneamento e Solo Urbano da cidade) para as obras de conclusão da Arena Prefeitura.


Tal projeto foi vergonhosamente aprovado por que isso convinha ao GOVERNO DO ESTADO E PREFEITURA já que o mandatário ruborizado ofereceu o seu estádio para a Copa e como o Governo do Estado ficaria em maus lençóis por causa da Copa e para não passar VERGONHA perante o Brasil e o mundo, Governo e Prefeitura "viabilizaram" esse desmando.

Caso tal projeto de um novo estádio no Alto da Glória fosse aprovado, infelizmente os padrões FIFA não permitiriam que o NOVO COUTO fosse feito no mesmo formato, já que a FIFA exige que construções de novos estádios, sejam quadrados e não com curvas como é o Couto e mesmo que fosse aprovado um novo estádio, o PODER PÚBLICO já apresentou suas desculpas, diga-se passagem, "esfarrapadas", da inviabilidade do projeto no local.

No caso de reformulação, a conclusão do terceiro anel deveria ser destinada a TORCIDA e não para se fazer camarotes como expus em carta enviada ao "Portal Coxanautas" a quase 02 anos. Segue o link com minha modesta opinião: http://www.coxanautas.com.br/noticias/conteudo.phtml?id=32192

Ainda no tema de reformulação, resumidamente para mim. gostaria que fosse desta forma:

1. Encadeiramento padrão FIFA; apenas no setor Mauá com os três anéis...

2. Conclusão do terceiro anel coberto, porém para a torcida e não camarotes;

3. Reforma nas sociais;

4. Preço popular para aquele setor da curva no fim da Mauá, já que dificilmente aquele setor enche;

5. Mais iluminação nos corredores;

6. Melhor escoamento da água, para os dias de chuva;

E por fim, que fosse realizada a retirada daquelas grades laterais na parte de baixo das sociais que impedem que os torcedores do primeiro anel vejam o jogo e no seu lugar colocarem aquelas divisórias transparentes inquebráveis; assim como do lado inverso na Mauá, que fosse retirado as grades e fosse colocado novas divisórias.


Entendo que enquanto o NOVO ESTÁDIO não seja construído, essas soluções seriam mais adequadas e viáveis neste momento.



Por Fernando Maio da Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário